Breaking

24.7.10

Prevenção contra HIV e herpes pode estar em gel vaginal

Do Portal Educação
23 de julho de 2010

A HIV é uma das doenças mais temidas tanto para o homem quanto para a mulher. Estudos na área médica mostraram que um novo medicamento pode ser capaz de reduzir o risco de contrair AIDS e herpes genital.

Pesquisadores da África do Sul criaram um gel vaginal capaz de reduzir em 39% o risco de contrair o vírus durante relações sexuais. A divulgação aconteceu no início desta semana na 18ª Conferência Internacional sobre a AIDS, realizada em Viena.

A notícia boa é que o remédio contém 1% de Tenofovir – antirretroviral utilizado no combate ao vírus responsável pela AIDS. O teste do gel vaginal foi aplicado em 889 mulheres da África do Sul.
Caso o uso deste medicamento dê certo, a aplicação prolongada poderá evitar 500 mil novas infecções
Caso o uso deste medicamento dê certo, a aplicação prolongada poderá evitar 500 mil novas infecções pelo HIV na próxima década no país. Do total das mulheres que foram submetidas ao uso correto do gel vaginal, 54% tiveram uma redução na transmissão do vírus HIV.

Sem contar que esse remédio também é eficaz na prevenção das mulheres com relação a herpes genital. De acordo com os especialistas, o uso do gel pode ter uma redução de 51% dos casos.

“O desenvolvimento de um gel microbicida representa, sem dúvida, um avanço para a profilaxia da AIDS. Entretanto, este não deve ser o único meio de prevenção, o uso do preservativo continua sendo a forma mais segura para se evitar a doença”, alerta a farmacêutica e tutora do Portal Educação Carolina Marlien.