30.8.10

“Cobrei R$ 100 do meu marido na primeira vez”

Garota de programa conta experiência com o 'amor de sua vida'

Porto Velho (RO), 23 de Fevereiro de 2010
Leandro Prazeres

Claudete conheceu o pai de seus dois filhos enquanto fazia programa nos bares e boates de Mato Grosso (Foto: Antônio Lima)

Claudete cobrou R$ 100 para fazer amor com o grande amor de sua vida. Foi há quase cinco anos, em um bar do Município de Lucas do Rio Verde, em Mato Grosso. “Eu conheci ele numa lanchonete. Ele era amigo de uma amiga minha. Eu gostei dele, pedi pra minha amiga ajeitar tudo. Fomos pra uma festa e ele pagou a bebida. Cobrei R$ 100 dele. Foi a primeira e única vez que eu cobrei do meu marido”, lembra a garota de programa.

Claudete conta que depois do programa com o rapaz, que trabalha como pedreiro em Mato Grosso, demorou apenas uma semana para “se amigar” com o rapaz. “Durante o tempo em que eu fui casada com ele, parei de fazer programa. Ele sempre soube o que eu fazia, nunca brigou comigo, mas depois que a gente casou, não tinha como”, lembra.

Mas parece que Claudete ainda não encontrou seu amor eterno, e o casamento ruiu há um ano. “A gente tava brigando muito. Não dava mais”, conta. Sem estudo, ela voltou aos cabarés de Mato Grosso até ser convidada a ir para Rondônia. Deixou os filhos com o ex-marido e foi para Jaci Paraná, mas, agora, em vez de ir para a cama com o amor de sua vida, atende aos desejos de peões de todo o Brasil. “Alguns tratam a gente bem, mas eu tenho medo de, um dia, esses caras me agredirem. Além disso, tem uns que chegam tão fedidos que a gente tem que pedir pra eles tomarem banho”, conta.

Fonte: A Crítica / Manaus

Share this