27.11.10

Casa pega fogo no Complexo do Alemão depois de tiroteio entre polícia e traficantes

Carolina Pimentel 27/11/2010
Repórter da Agência Brasil

Isabela Vieira
Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro – Uma casa na Estrada do Itararé, na altura do número 309, começou a pegar fogo há pouco depois de ser atingida por tiros. O tiroteio atingiu a casa depois que traficantes reagiram a investidas da polícia que sobrevoou a área com dois helicópteros.

A casa fica a poucos metros de onde está instalado o comando-geral das tropas, no principal acesso ao Complexo do Alemão, em Ramos, subúrbio da cidade. Com a intensa troca de tiros, moradores desceram assustados e foram para a entrada da comunidade.

A Estrada do Itararé, na esquina com a Rua Joaquim de Queiroz, foi o local marcado como ponto pelo Comando-Geral da PM do Rio para traficantes que queiram render-se. De acordo com o comandante da PM, coronel Mário Sérgio Duarte, se os bandidos não se entregarem, a invasão ao Alemão pode ocorrer a qualquer momento.

Os moradores arrombaram o bar que fica ao lado da casa em chamas para salvar o estoque do estabelecimento. Uma pessoa foi encontrada desfalecida e, depois, foi resgatada pelo Corpo de Bombeiros. Os bombeiros já controlaram as chamas.

O clima é de muita apreensão e medo porque o helicóptero blindado da Polícia Civil está dando voos rasantes e trocando tiros com os traficantes.

Em outro ponto, policiais do Batalhão de Choque da PM atiraram uma granada contra cinco traficantes que estavam escondidos em uma casa na Rua Antônio Austregésilo, na favela Nova Brasília.

E, na Vila Cruzeiro, que já está ocupada, homens da Polícia Civil encontraram, numa, casa 132 bananas de dinamite.

O Complexo do Alemão pode ser considerado o bunker do tráfico de drogas no Rio. Há dois anos, a polícia não entra na comunidade.

Edição: Lana Cristina

Share this