5.11.10

Fundado em Contagem o Movimento Organizado de Combate á Homofobia

Fonte: .folha de contagem
Sex, 05 de Novembro de 2010

Neste último domingo (31 de Outubro) nasceu em Contagem a mais nova Organização de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transexuais e Travestis (LGBT), o Movimento Organizado de Combate à Homofobia (MOOCAH), uma entidade comprometida com a promoção dos direitos e cidadania da população LGBT, no combate à Homofobia, na luta pelo acesso das pessoas e coletividades às políticas, aos bens e serviços sociais que promovem a qualidade de vida, destacando no enfretamento da epidemia de AIDS e das DST, combatendo à epidemia do HIV/AIDS no âmbito municipal.

O MOOCAH será um instrumento de expressão da luta pela conquista dos direitos humanos plenos das pessoas, independente de sua orientação afetivo-sexual, denominado no Brasil com sigla LGBT conforme deliberação da Conferencia Nacional GLBT de 2008, a entidade será contra quaisquer formas de discriminação a todos acima citados, sejam elas jurídicas, sociais, políticas, religiosas, culturais ou econômicas. O Movimento Organizado de Combate à Homofobia possui uma diferença notória na sua Diretoria Executiva, ela é composta na sua maioria por Mulheres, segundo a Presidente eleita, Carolina Benzaquen, a eleição de muitas mulheres tanto na Diretoria quanto nas Coordenações Temáticas do MOOCAH não é coincidência, “Durante grande parte da História, nós mulheres não tivemos participação na política, a nós eram negados os principais direitos políticos como, por exemplo, votar e se candidatar. Hoje a realidade é outra, nós estamos ocupando os espaços que anteriormente eram destinados apenas aos Homens, a base de muita luta estamos vencendo o machismo e ganhando mais visibilidade, não é atoa que elegemos este ano a nossa primeira Presidenta. No Movimento LGBT não é diferente, estamos cada dia saindo da invisibilidade e entrando no protagonismo político” destaca.


Uma das principais ações do MOOCAH neste período de estruturação será a cobrança da aplicabilidade da Lei Municipal 3.506/02 que pune a Discriminação por Orientação Sexual “Em Contagem nem sabemos se a Lei é aplicada, não existem estudos, não tem estatística, logo não há política publica efetiva, no seu art. 7º rege que o poder executivo deverá manter um setor especifico para receber essas denuncias, já são quase nove anos e não se tem conhecimento deste setor. O único avanço neste sentido foi através da Democracia Participativa, onde lideranças do Movimento LGBT mobilizaram militantes do segmento para a conquista do Centro de Referencia em Direitos Humanos no OP de 2009.” finaliza Benzaquen.
A organização planeja oferecer Assistência Jurídica, Psicológica, Social, alem de promover Cursos de qualificação e orientação profissional visando à inserção dos LGBT’s no mercado de trabalho. “Identificamos que as principais dificuldades dos Homossexuais de Contagem hoje são conclusão dos estudos e inserção no mercado de trabalho, estamos construindo vários projetos com intuito de diminuir consideravelmente esta realidade em Contagem” explica Luciana Lacerda, Vice-Presidente da entidade.
O nome MOOCAH foi escolhido para organização por três motivos, primeiro porque MOOCA (sem o H no final) em tupi-guarani tem dois significados “Casa de todos” e “Construindo Casa”, segundo, porque o Bairro MOOCA em São Paulo foi um forte palco do ativismo político e manifestações de esquerda na Década de 30, e o terceiro motivo já com acréscimo do H no final se traduz com espírito da entidade que é de um Movimento Organizado de Combate á Homofobia.
A Festa de lançamento do MOOCAH será neste Sábado dia 06 de novembro apartir das 23h na Av. João César de Oliveira, 801 Eldorado – Contagem/MG (no Salão de Festas da Pizzaria Behlú), este evento tem caráter de informar para população Contagense o inicio das atividades da entidade e também de arrecadação de fundos para quitar as primeiras despesas da organização. O valor simbólico do convite é R$5,00 + 1KG de Alimento não perecível (Exceto sal e fubá), ambos serão revertido para aplicação dos Projetos da Organização que qualquer pessoa pode conhecer acessando o site oficial www.movimentoLGBT.org onde também possui todas as informações sobre a Festa de Lançamento e sobre o Movimento Organizado de Combate á Homofobia.


Share this