27.11.10

Luanda: Ministro fala do empenho do Executivo no combate ao HIV/Sida

O Executivo angolano tem envidado esforços no sentido de combater o HIV/Sida, através de acções de formação e sensibilização, criação de centros de testagem, acompanhamento de pessoas infectadas, entre outras, informou hoje (sábado), em Luanda, o ministro da Saúde, José Van-Dunem.

"Neste momento, existem mais de 500 unidades para testagens voluntárias, em 120 municípios do país", afirmou o ministro, que
participou na marcha de sensibilização para o combate ao HIV/Sida, promovida pela Rede Angolana das Organizações de
Serviços de Sida (Anaso), em alusão ao dia mundial da doença (1 de Dezembro).

Na sua intervenção, o governante disse que a responsabilidade de cada um começa pela protecção e transmissão de mensagens
sobre a doença.

"Continuamos a apoiar e a intervir no combate contra o VIH/SIDA", para quem todos são chamados a intervir nesta luta.

O governante falou ainda das diversas etapas que passam os seropositivos, desde o conhecimento da situação até ao
acompanhamento.

A marcha, que iniciou na Cidadela Desportiva e culminou no Largo da Independência, contou com a participação dos ministros da
Saúde, José Van-Dunén, do Ambiente, Fátima Jardim, dos Desportos, Gonçalves Muanduba, da secretária da Presidência da
República para a Área Social, Rosa Pacavira, de deputados, entre outras entidades.

A mesma visou chamar a atenção das pessoas sobre os cuidados a terem nas suas relações sexuais, informar os meios de transmissão e prevenção da doença, por formas a reduzir a propagação da referida.

No quadro do evento, está patente uma exposição de panfletos e preservativos no largo da independência, visitada pelos governantes.

Share this