1.12.10

Temporão confirma que deixará Ministério da Saúde e elogia política de combate à aids


Paula Laboissière 01/12/2010
Repórter da Agência Brasil

Brasília – O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, confirmou hoje (1º) sua saída da pasta no governo da presidenta eleita, Dilma Rousseff. “Este é meu último Dia Mundial de Combate à Aids, como ministro. Aprendi muito com a equipe”, afirmou ele, durante discurso no Palácio Itamaraty, em solenidade que marcou a data.

O governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, informou ontem (30) que o secretário estadual de Saúde, Sérgio Côrtes, deverá assumir o ministério no próximo governo.

Durante o evento, Temporão elogiou a política brasileira de combate à aids e destacou, entre outras ações, o acordo com Moçambique para a produção de antirretrovirais.

“Em vez de doar alimentos, como fazem os países ricos, estamos ensinando a produzir genéricos”, disse. “O Brasil conseguiu conquistar visibilidade internacional porque existe o Sistema Único de Saúde [SUS], com saúde pública universal e de qualidade para todos”, completou.

Edição: Juliana Andrade

Share this