13.11.11

Membro do movimento LGBT cobra elucidação sobre assassinato de professor

Cadaminuto

O membro do Movimento de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros (LGBT), Teddy Marques, cobrou – em entrevista ao Portal Cadaminuto -, a elucidação do assassinato do professor Ezequias Rocha Rego, militante e um dos fundadores do Grupo Gay de Alagoas (GGAL). Rego foi encontrado morto na manhã dessa sexta-feira (11).

Para Marques, se faz necessário que as autoridades se mobilizem em busca dos responsáveis pelo crime. “Alagoas ocupa, infelizmente, o 1º lugar no Ranking nacional de crimes homofóbicos. Só em 2011, foram 15”, relatou.

Ainda segundo ele, os últimos crimes realizados no estado ainda estão sem solução. “O sentimento de impunidade em Alagoas é enorme. "Até hoje, poucos criminosos foram presos apontados como autores das barbáries”, cobrou.

Marques disse ainda que o ex-deputado estadual Paulão (PT) organizou uma reunião com o delegado geral da polícia civil em Alagoas, Marcílio Barenco. “Espero que o delegado realize todos os esforços em busca dos culpado. O crime do professor não pode cair no esquecimento e tão pouco na impunidade”, reforçou.

Fonte: Correio do Povo/Cada Minuto

Share this

0 Comment to "Membro do movimento LGBT cobra elucidação sobre assassinato de professor"

Postar um comentário